terça-feira, 11 de maio de 2010

CONVOCAÇÃO DA SELEÇÃO

Convocação da Seleção Brasileira de Futebol sempre gera polemica, aqui no Brasil até a nossa vó dá palpite.
Convocação para a disputa de uma copa do mundo, aí o bicho pega geral, sempre vai ter injustiça, sempre vai ter um jogador que está despontando no momento da convocação e que não fará parte do grupo.
Ao longo dos anos a historia sempre se repete, eu vou falar do que eu lembro, uma vez que comecei a acompanhar futebol de verdade em 1977.


Copa de 78 na Argentina foram duas as ausências:

Paulo Roberto Falcão o craque do Internacional não foi convocado por Claudio Coutinho que preferiu levar Batista e Chicão, os dois ótimos jogadores, mas não chegavam nem perto do Falcão.
Serginho Chulapa que estava suspenso devido a uma agressão em cima de um bandeirinha, ocorrida em Ribeirão Preto, num jogo contra o Botafogo local. Serginho era o que hoje chamamos de matador e vivia sua melhor fase, mas como estava suspenso não foi, e o gande prejudicado foi o futebol brasileiro. Em 82 a Itália perdoou seu melhor atacante que estava suspenso e devido ao perdão ele pode disputar a copa e ajudou um pouquinho na conquista italiana, era um tal de Paolo Rossi.

Copa de 82 na Espanha:

O time de mestre Telê Santana era mágico, mas mesmo sendo mestre Telê cometeu uma imensa injustiça com Emerson Leão que era muito melhor os três goleiros escolhidos; Waldir Peres, Paulo Sérgio e Carlos. E como todo grande time começa com um grande goleiro, talvez tenha faltado esse pequeno detalhe para coroar aquela seleção fantástica com o título.

Copa de 86 no México:

Outra grande seleção de mestre Telê, mas faltou o Renato Gaucho que foi cortado por indisciplina e com seu corte o maluco do Leandro, que também era craque, pediu dispensa. Com isso Telê inventou um tal de Josimar que arrebentou na copa e marcou dois dos mais belos gols do Brasil no torneio.

Copa de 90 na Itália:

Neto era o melhor jogador do Brasil, talvez teria sido o grande destaque daquela copa, mas isso nunca vamos saber. O técnico da seleção era o Sebastião Lazzaroni que levou para o lugar do Neto foi inventado um tal de Bismarck, mas esperar o que de um Lazzaroni?



Copa de 94 no USA:

A grande injustiça foi com o atacante Evair, melhor jogador do ataque atuando no Brasil, mas o Parreira preferiu levar o Viola. Como fomos campeões o Parreira estava certo, mas que podia ser mais fácil, podia. Muller e Evair juntos na Seleção fizeram apenas um único jogo-treino em que os reservas venceram os titulares por 8x0 em Ribeirão Preto antes de um amistoso contra a Suíça, dois dos jogadores mais inteligentes que eu vi jogar.


Copa de 98 na França:

Zagalo cortou Romário mesmo sabendo que ele se recuperaria até o inicio dos jogos, o baixinho em atividade era o melhor atacante e com certeza não teria uma ziquizira antes do jogo final. Outro grande injustiçado foi o Djalminha.


Copa de 2002 na Coréia e Japão:

Mais uma vez o Romário foi o grande injustiçado e parece que ele nem comeu a aeromoça. Mas com a taça na mão falar o que de Felipão?



Copa de 2006 na Alemanha:
Não me lembro de uma grande injustiça cometida pelo Parreira em 2006 o time era bom, tinha o quadrado mágico e devido às baladas, ao circo que foi a Seleção na copa não funcionou. O que não foi convocado em 2006 e fez muita falta foi o comprometimento dos principais atletas.


Copa de 2010 na África do Sul:


Talvez os grandes injustiçados da convocação que o Dunga fará daqui a pouco serão os jovens Paulo Henrique Ganso e Neymar. E também do veteraníssimo Roberto Carlos.

Mas será que podemos criticar o Dunga? Ele veio com a missão de resgatar a vontade dos jogadores de vestirem e honrarem a camisa da Seleção Brasileira, e isso ele conseguiu com sobras. Podemos até questionar um Josué, um Elano, um Julio Batista mas são jogadores que a muito tempo fazem parte do grupo do Dunga. Será que é errado ser fiel aos seus comandados?
Eu queria muito que o Neymar e o Ganso fossem convocados, mas se não forem o que eu sei é que vamos torcer pelos que forem. E Neymar e Ganso vão estar em 2014, 2018 e 2022.

Vai lá Dunga, convoca com sua cara de Zangado, comande como se fosse um Mestre,não seja Dengoso nunca, pois o futebol é para homem, não permita que o time seja Soneca e faça com que o doutor Ronco cure até Atchim para que no final da Copa o povo brasileiro fique Feliz.

sexta-feira, 7 de maio de 2010

quinta-feira, 6 de maio de 2010

EU JÁ SABIA...

terça-feira, 4 de maio de 2010

MARIDO DE PAPELÃO

Uma viúva britânica tem uma nova maneira inusitada de lidar com a tristeza de perder o marido em julho de 2009, aos 38 anos.
Ela tem mantido uma foto de seu finado em um papelão em tamanho real. A foto cortada no
papelão de Paul está na casa da família, mantendo-se a unidade familiar.
Contam que o marido de papelão fez uma aparição em seu próprio funeral e participou da cerimônia de casamento seu melhor amigo semana passada.
As crianças vestiram o papai de papelão com uma roupa de Papai Noel no Natal e como Drácula no Halloween.
A se a moda pega...

segunda-feira, 3 de maio de 2010

CAMPEONATO PAULISTA 2010

A cada ano que passa o nosso paulistão está perdendo seu valor, já foi o mais valioso titulo do Brasil, numa época em que não existiam os torneios nacionais, mas mesmo depois da criação do Brasileirão o Paulistão era um titulo muito importante. Hoje os times dizem valorizar só a Libertadores, eu continuo gostando muito do Paulistão, mesmo porque eu não tenho vizinhos argentinos, nem paraguaios. Aos invés de chamá-lo de paulistinha e tentar menosprezá-lo, porque não cobrar mais organização por parte da FPF e torcer para que se adéqüe o calendário e que possamos continuar vivendo a rivalidade paulista.

TIMES E PERSONAGENS

Seguiu no paulistão a derrocada da fase final do Brasileirão, um time sem padrão de jogo, sem atacantes e principalmente sem vontade. De bom só a vitoria contra o Santos na Vila. Tenho muita pena do Marcos, mais um ano em que atua sozinho na frente dos adversários. Conseguimos obter a segunda pior colocação da história do clube.

Acredito que tenha o melhor elenco do país, mas não têm técnico, o Ricardo Gomes é uma grande piada, o time têm dois dos melhores volantes do futebol brasileiro(Jean e Hernanes), um é improvisado na lateral e o outro na meia-esquerda. O futebol do São Paulo é muito burocrático.

Com a desculpa de priorizar a Libertadores não conseguiu se classificar para as finais do campeonato, o craque Ronaldo não repetiu o desempenho do paulista do ano passado. Pelo menos o time lutou até a ultima rodada e ainda está na Libertadores, por enquanto. O Ronaldo só está em campo para cumprir os contratos assinados. O volante Jucilei é muito bom jogador.

A boa administração apresentada na antiga sede de Barueri seguiu para Presidente Prudente e apesar do time ter sido remontado, conseguiu o que Palmeiras e Corinthians não conseguiram, disputou as finais. Resgatou o volante Marcos Assunção, eu mesmo acreditava que o jogador estava em final de carreira quando foi apresentado no antigo Barueri, ele se mostrou em forma e com um ótimo futebol. Acredito que fará uma ótima dupla de volantes com Pierre no Palmeiras.

Grande trabalho do técnico Sérgio Soares, juntou jogadores desconhecidos e apresentou um grande futebol coletivo, um time que marca muito e é muito rápido nos contra-ataques. Vários foram os destaques, a começar pelo grande goleiro Julio Cesar, que deveria fazer uma plástica que o deixasse menos parecido com o Marcelinho Carioca(com perdão da má lembrança), os dois laterais jogaram muita bola, Cicinho e Carlinhos. Os volantes Alé e Gil se mostraram grandes marcadores e bons na saída de jogo. Bruno Cesar e Branquinho, na minha opinião são as melhores peças do time, pronto para defender qualquer time grande. Já os atacantes Nunes e Rodriguinho seriam boas apostas para qualquer ataque. O Santo André foi um grande adversário do Santos e de longe o melhor vice campeão que o campeonato poderia ter.

Quando o campeonato começou todos apostavam suas fichas em São Paulo e Corinthians, o Palmeiras era quem mais tinha responsabilidades e o Santos era uma aposta que ninguém fazia. Hoje findado o campeonato todos sabem que uma nova versão dos Meninos da Vila surgiu e arrebentaram.
O futebol apresentado pelo time do Santos é o mesmo que podemos ver em qualquer campinho de um bairro afastado, apesar de serem cada vez mais raros os campinhos, e por conseqüência, o futebol moleque. O futebol do Santos é feito de alegria, a alegria de se marcar um gol, a alegria de zuar o adversário, sem que isso seja visto como um crime contra a honra dos adversários. O problema é que muitos vêem no futebol alegre do Santos uma afronta, zagueiros adversários falando em falta de respeito, comentaristas esportivos(que nunca chutaram uma bola) pregando falta de seriredade. Falta de respeito no futebol é montar um time, com a história do meu Palmeiras, para ele não perder em casa do Atlético Goianiense. Falta de respeito a falar que o gol é só um detalhe no jogo. O gol é o maior objetivo do jogo, e o Santos é o time que mais respeita a essência do futebol brasileiro.
O menino Neymar tem que continuar a zuar os seus marcadores, têm que continuar a dançar a cada gol marcado e, principalmente, tem que continuar a jogar seu futebol mágico e alegre.
O Palmeirense Dorival Junior está se mostrando um técnico competente, e acima de tudo, um profissional que sabe que as maiores estrelas são os jogadores e que não quer aparecer mais que eles, ontem quando o Ganso não quis sair ele acatou a decisão do jogador e viu o lado bom daquilo, a personalidade do jovem craque. Espero que um dia o sobrinho do Dudu possa dirigir o meu Palmeiras, hoje espero que ele continue no Santos e mantenha esse time jogando da forma alegre como vem fazendo.
Paulo Henrique Ganso, esse é a maior revelação do futebol brasileiro dos últimos tempos, a visão de jogo que esse menino têm é algo que a maioria dos meias só vai adquirir com muitos anos de carreira, é um craque. Muitos dizem que ele deveria ser convocado para ser o reserva do Kaká, eu discordo, ele deveria ser convocado como titular e que arranjem uma vaga pro Kaká jogar ao lado dele.
Robinho, de todos os jogadores que voltaram ao Brasil com o pretexto de resgatar o bom futebol e ir para a copa(Adriano, Vagner Love, Fred) o único que realmente fez isso foi o pedalador. E ainda se mostrou muito inteligente e humilde, viu que não é o melhor do time e apenas se juntou ao grupo, sendo mais um e não querendo ser a estrela.

Parabéns ao futebol brasileiro por poder apresentar um time como esse Santos formado só por jogadores nativos, que joga um futebol mágico e alegre. Em todo o resto do mundo para se conseguir algo parecido é necessário se gastar milhões e formar uma legião estrangeira.
Espero que os Meninos da Vila III, eu como coroa tive o privilégio de ver as três versões, continuem juntos por bastante tempo, para que quem sabe os outros times repensem o futebol apresentado e redescubram que somos brasileiros e que nosso futebol é o que o Santos apresenta e não o amontoado de volantes que copiamos dos europeus.
Tomara que os Meninos da Vila III continuem a dançar a cada gol marcado, que continuem a fazer os zagueiros “dançar” com seus dribles e que continuem a provocar os adversários com o futebol mágico que apresentam. Como disse o São Marcos se não querem que eles dancem que tentem não deixar que façam gols.
Até agora o único motivo de orgulho que nós Palmeirenses temos esse ano foi ter ganho de um time tão bom.
Parabéns ao Santos pelo título de campeão paulista de 2010, esse campeonato só não é importante para os que não conseguem conquistá-lo.